Hoje é o Nosso Dia, o Dia da Consciência Negra

Hoje é o dia da nossa consciência. O dia da consciência de todos os brasileiros. Talvez você tenha se orgulhado ao ler isso, ou talvez tenha falado pra si mesmo: “Eu não sou negro”. Ok. Talvez você não tenha a bênção de ter uma pele mais morena, parda ou negra. Mas ainda sim, você tem origens africanas. A não ser, que você seja um imigrante europeu. Se não, é, se você é nascido no Brasil, pode ter certeza que você é um afro descendente. Pela mesma forma que você também tem origens européias e mais ainda, origem indígena. Tudo no Brasil é misturado, e que mistura mais perfeita! Nosso povo é lindo, é simpático, é alegre, é lutador, é trabalhador... enfim é admirado pelo mundo inteiro! E sabe porque?! Porque somos um mix perfeito, e esse mix é que nos fez ser assim, únicos. Não há povo igual no mundo, pode ter certeza! Somos capazes de passar por dificuldades, sempre rindo e cantando; somos sempre simpáticos e acolhedores com que chega; espalhamos nossa cultura pelo mundo, sem medo de ensinar isso a outros povos. Apenas somos assim, porque herdamos a pacificidade dos índios, a garra pelo trabalho dos europeus e a alegria dos africanos. Isso é lindo é perfeito. Então porque não celebrar sua consciência no dia de hoje?! Porque não se render a parte da sua origem que ajudou a cultura de seu país ser uma das mais ricas e bonitas do mundo?
Mas afinal, você sabe por que celebramos hoje, no dia 20 de novembro, o “Dia da Consciência Negra”?! Então vamos lá.

Vinte de novembro é o Dia Nacional da Consciência Negra. A data - transformada em Dia Nacional da Consciência Negra pelo Movimento Negro Unificado em 1978 - não foi escolhida ao acaso, e sim como homenagem a Zumbi, líder máximo do Quilombo de Palmares e símbolo da resistência negra, assassinado em 20 de novembro de 1695.            Esta data está regulamentada pela Lei 10.639, de 9 de janeiro de 2003, que incluiu o dia 20 de novembro no calendário escolar, data em que comemoramos o Dia Nacional da Consciência Negra. A mesma lei também tornou obrigatório o ensino sobre História e Cultura Afro-Brasileira. Nas escolas as aulas sobre os temas: História da África e dos africanos, luta dos negros no Brasil, cultura negra brasileira e o negro na formação da sociedade nacional, propiciarão o resgate das contribuições dos povos negros nas áreas social, econômica e política ao longo da história do país.         
Comemorar o Dia Nacional da Consciência Negra nessa data é uma forma de homenagear e manter viva em nossa memória essa figura histórica. Não somente a imagem do líder, como também sua importância na luta pela libertação dos escravos, concretizada em 1888.”
Confira a Participação da Associação de Capoeira Beira Mar na "Missa dos Quilombos" Em Além Paraíba-MG. Clique AQUI

Nenhum comentário: